sexta-feira, 22 de julho de 2016

Resenha | Veneno, de Sarah Pinborough


Releituras para contos de fadas estão ficando cada vez mais comum no meio literário, mas não apenas nisso, também nos filmes, nas séries ou até mesmo nas histórias em quadrinhos estão constantemente fazendo novas adaptações. A história pode ser quase a mesma, mudando apenas o foco literário, que muda de escritor para escritor, onde eles procuram um novo começo ou fim para aqueles personagens tão conhecidos. Em 2013 foi à vez da escritora Sarah Pinborough lançar a sua versão para os contos de fadas. Foram lançados três livros para a Saga Encantadas, só que os livros não são voltados para as crianças, mas sim para os adultos.


O primeiro livro, intitulado como Veneno, é lançado pela Editora Única, ainda contem na trilogia os livro Feitiço e Poder. No primeiro livro, vai contar a história de Branca de Neve, ao mesmo tempo tem a participação de outros personagens como a Bruxa do conto de João e Maria, Aladim e sua lâmpada e também o Caçador com os sapatinhos de Cinderela.

Em Veneno tem-se um novo ponto de vista para a história de Branca de Neve, e sua madrasta má. Na maioria dos livros, Branca tem uma madrasta que é perversa, sendo ela símbolo inveja e maldade, pois ora, foi ela a culpada da maldição na Branca de Neve. Mas neste livro, a madrasta é chamada de Lilith com uma beleza única e conhecida como a Rainha de Gelo. E Branca continua sendo aquela jovem de pele branca como a neve e considerada a mais linda de todo o seu reino.

O livro ainda vai apresentar aquela mesma história de Lilith tendo inveja da sua enteada, e cega de ciúmes, acaba lhe dando uma maçã envenenada. Mas muda a maneira de como é contada a história, pois nesse momento não teremos apenas a visão de Branca de Neve sobre a sua madrasta, mas também de como Lilith enxerga a todos e também descobrir um pouco mais sobre a sua história e de como ela se tornou uma mulher tão amarga e cruel.


A Branca de Neve é uns dos personagens mais diferentes do livro, às vezes sendo uma garota meiga e amável, em outros momentos sendo uma jovem chata e impulsiva. O Príncipe Encantado é outro personagem que me surpreendi, não pelo fato de possuir muitas qualidades, mas pelo contrário, por quase não possuir nenhuma.

Esse primeiro livro da Saga Encantada, é um livro incrível, me surpreendi com a leitura e a Sarah é bem detalhista sobre o que acontece com cada personagem, o que torna a experiência única. O final do livro é algo que ninguém espera, ou pelo menos eu não esperava, fazendo você pensar se realmente existe uma final feliz, se existe um Príncipe Encantado, ou melhor, se é necessário ter um para ser feliz, e é claro faz nos pensar sobre quem realmente é o vilão da história. Veneno quis contar a história de Branca de Neve de uma forma mais adulta, então não indico você deixar uma criança ler. A Editora Única soube trabalhar bem nos detalhes do livro, possuindo desenhos no começo e no final de cada capítulo, e na contracapa vem um lindo marcador para destacar.


Ficha Técnica
Título: Veneno
Título Original: Poison
Autor (a): Sarah Pinborough
Editora: Única
Ano de Lançamento: 2013
Páginas: 224
Sinopse: Sexy, sarcástico e de prender a respiração!Para os fãs de Once Upon a Time e Grimm, Veneno é a prova de que contos de fadas são para adultos!
Não existe Felizes para sempre!
Você já pensou que uma rainha má tem seus motivos para agir como tal? E que princesas podem ser extremamente mimadas? E que príncipes não são encantados e reinos distantes também têm problemas reais? Então este livro é para você! Em Veneno, a autora Sarah Pinborough reconta a história de Branca de Neve de maneira sarcástica, madura e sem rodeios. Todos os personagens que nos cativaram por anos estão lá, mas seriam eles tão tolos quanto aparentam? Acompanhe a história de Branca de Neve e seu embate com a Rainha, sua madrasta. Você vai entender por que nem todos são só bons ou maus e que talvez o que seria um final feliz pode se tornar o pior dos pesadelos!
Veneno é o primeiro livro da trilogia Encantadas, e já é um best-seller inglês. Sarah Pinborough coloca os contos de fadas de ponta-cabeça e narra histórias surpreendentes que a Disney jamais ousaria contar. Com um realismo cínico e cenas fortes, o leitor será levado a questionar, finalmente, quem são os mocinhos e quem são os vilões dos livros de fantasia!
Palavra da editora:
Veneno é um livro tenro como uma maçã envenenada.
Belo como os vilões costumam ser.
Sarcástico como príncipes mimados.
E sem finais felizes porque já estamos bastante crescidinhos! (E, ainda assim, é um dos finais mais chocantes da ficção atual!)
Para fãs de séries de TV e histórias picantes e divertidas, Veneno é puro entretenimento! Mariana Rolier

Categorias

Comments

Contact Us

Nome

E-mail *

Mensagem *